O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), e o Instituto de Ensino e Pesquisa Santos Dumont (ISD) devem assinar um termo de cooperação técnica com o objetivo de desenvolver ações colaborativas envolvendo, também, o Instituto de Educação, Ciência, Tecnologia do Maranhão (Iema). A ideia é elevar o patamar de desenvolvimento científico e tecnológico do estado.

De acordo com o secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação, Jhonatan Almada, com a assinatura do termo de colaboração o Governo do Maranhão vai desenvolver três grandes projetos: o ‘Iema Ciência’; o encaminhamento de pesquisadores e estudantes da área de neuroengenharia para Natal; e o desenvolvimento de cursos técnicos no Iema de São Luís na área de neuroengenharia.

“Em primeiro lugar, vamos desenvolver o projeto ‘Iema Ciência’, que foi lançado em Caxias no início de mês, com a oferta de educação científica para alunos do ensino fundamental da rede pública. Queremos implantar um programa piloto no Iema vocacional da cidade”, explicou o secretário, lembrando que o encaminhamento de pesquisadores e estudantes para Natal deve contar com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema).

Carlos Moraes

Carlos Moraes

Carlos Moraes, natural da cidade de Maringá – PR, jornalista, publicitário, formado em Marketing e pós graduado em gestão pública com enfase em cidades. É atualmente apresentador de Catve, empresário e palestrante com especialidade em implantação de programação local e regional em emissoras de TV. Moraes já trabalhou como repórter e apresentador em TVs afiliadas a Rede Globo, Bandeirantes, Rede TV, SBT, Educativa, Record e CNT. Fundou o jornal “Agora Paraná” na região metropolitana de Curitiba. Já escreveu nos principais jornais impressos do Paraná e trabalhou na implantação programas em diversas emissoras de rádio Brasil a fora. Em Cascavel trabalhou nas Rádios Colméia e Independência!

Ver todas as postagens

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *